RAIO X: Tadeu crê na vitória de Lídice para o governo

Publicado em 26/11/2013 às 11:17h

"O PSB, por si só, é um partido competitivo, por ter história e responsabilidade na condução atual de governos e prefeituras em todo o país", disse o deputado Capitão Tadeu, a respeito de recente nota em que a senadora Lídice da Mata foi citada como único nome da legenda capaz de disputar o governo em condições de vitória.

No entanto, Tadeu, que no início do processo chegou a postular a indicação, reconhece que, "entre vários nomes competitivos do PSB, o da senadora está realmente em primeiro lugar". O deputado declarou "apoio incondicional" à candidatura de Lídice e disse ter convicção de que "ela é a futura governadora da Bahia".

Sem discriminação

Objetivo nas respostas, o deputado Fabrício Falcão foi alvo de duas perguntas do Blog do Anderson.

Na primeira, sobre quem seria o candidato do PCdoB ao governo, disse que seria "o que Wagner indicar". E quem é o candidato de Wagner? "Pelo que todo mundo sabe, será Rui Costa".

No dia seguinte, assessores do secretário José Sérgio Gabrielli lhe telefonaram, achando que estava defendendo Rui.

Fabrício disse que não. E que se sua previsão falhar e o governador indicar Gabrielli, este será o candidato dele e do partido.

Estejam à vontade

Ao contrário do xará mais famoso, o deputado Roberto Carlos autorizou aos interessados a publicação de sua biografia.

Sai de baixo

Causa rebuliço no meio político regional o avanço do candidato a deputado estadual Plácido Alexandre (PCdoB) no Norte do Estado, a partir de sua base principal, Juazeiro, onde tem o apoio do prefeito e correligionário Isaac Carvalho.

A ação de Plácido é definida com imagens sempre ligadas a equipamentos de peso considerável. "Um trator D-8 de esteira", diz um observador, referindo-se à expansão do candidato a diversos municípios. "Onde ele não tem o prefeito, tem a banda B", completa.

Outro interlocutor exagera: "É uma máquina nova, um rolo compressor com motoniveladora e todos os acessórios, já está capinando em locais mais distantes" - como Lapão, na Chapada Diamantina, onde teria o apoio do ex-prefeito Hermenilson Carvalho.

Esta última aliança, no entanto, é contestada por outra fonte deste blog, para quem o próprio Hermenilson sonha com uma candidatura à Assembleia Legislativa. "Ele estava no PMDB. Cuidou de se filiar ao PCdoB um ano antes da eleição, o que é que se pode deduzir disso?"

Geddel realça pegada de candidato

A entrevista do ex-ministro Geddel Vieira Lima à Tribuna da Bahia, hoje, mostra um político centrado nas suas convicções e que, por isso, não deixa margem para interpretação exótica das palavras que pronunciou.

Deixou claro que trabalha pela unidade das oposições e, mais ainda, reafirmou a disposição de só ser candidato ao governo nessa condição, devendo manter a postulação enquanto o dono da vaga, Paulo Souto, não recuar formalmente da decisão de não disputar.

Sobre a senadora Lídice da Mata, o ex-ministro fez declarações severas, que começam pela lembrança de que o PMDB participou de sua campanha a prefeita em 2004 "para resgatar uma imagem muito desgastada por uma administração tida por muitos como ruim em Salvador".

Mas o mais duro ele reservou para descartar a possibilidade de nova aliança com o PSB, ao duvidar que a senadora possa ser uma candidata de oposição ao governo Wagner, pois o eleitorado "estranha" quando se vê diante de uma alternativa que "não é carne nem peixe".

Geddel, em legítima malandragem política, não se esqueceu de mexer com outros partidos do cenário. No PT, instigou os "dissidentes", o senador Walter Pinheiro e o secretário José Sérgio Gabrielli, ao dizer que a questão está "definida" em favor de Rui Costa e que é "zero" a chance de mudança.

Quanto a PDT e PP, sugeriu que endurecem o jogo para negociar melhor com o governador Jaques Wagner. "O caminho natural deles é dizer amém", afirmou, acrescentando que buscam, nas conversas com Lídice, apenas "um amém mais robusto".

Somos fichinha

Pesquisadores afirmam que Marte pode ter tido água líquida há 3 bilhões e 800 milhões de anos. Depois nego fala de especulação de jornalista.

Reflexão bonita

O leitor R. M. afirma que as palavras do governador Jaques Wagner distinguindo radicalismo de sectarismo são "uma reflexão muito bonita, mas que não se aplica à realidade do nosso Estado", que tem na educação, saúde, segurança e investimento "resultados pífios".

Deixando à parte os "méritos" do governador quanto ao tratamento supostamente igual a aliados e adversários, o leitor dispensa "ditadores e tolerantes", clamando por "homens sérios, tocadores natos de projetos concretos que contemplem o interesse público".

Neto cuida das bases

O prefeito ACM Neto, que nas três eleições de deputado que disputou somou mais de 1 milhão e 100 mil votos, não descuida das bases cultivadas no interior em dez anos de mandato parlamentar.

Um dos seus objetivos é levar à Assembleia Legislativa o ex-prefeito de Caculé Luciano Ribeiro (DEM), a quem considera "um dos nomes mais promissores do Sudoeste" e "pessoa que faz política por vocação, com um futuro extraordinário".

As declarações foram dadas em telefonema ao site Brumado Notícias, em que Neto defendeu a tese da renovação política, elogiando o desempenho de Luciano nas duas gestões em que esteve à frente do município.

Líder do PT chegou "ao limite" com a Agerba

O líder do PT na Assembleia Legislativa, Rosemberg Pinto, vai pedir ao líder do governo, Zé Neto, também petista, providências contra o que considera fiscalização arbitrária da Agerba a veículos no interior.

Disse Rosemberg que, com apoio de policiais, os fiscais, no afã de combater o transporte irregular, abordam automóveis e pedem os documentos das pessoas, que, se não forem parentes do motoristas, são consideradas passageiros, e a infração vale uma multa de R$ 2.800.

Depois de sucessivas queixas de moradores de Itapetinga, Iambé, Ibicaraí, Itabuna e outros municípios da região, Rosemberg desabafou: "Cheguei ao limite. É uma situação surreal, um procedimento inusitado, nem carona a um amigo se pode dar. A Agerba não pode criar suas próprias regras".

A situação ocorre em outros pontos do Estado e já motivou queixas dos petistas Bira Corôa, Luiza Maia e até de Zé Neto. "Nem táxi escapa", afirmou o deputado, destacando que o secretário Otto Alencar "tem ajudado, cobrou da Agerba, mas parece que o diretor Eduardo Pessoa não atende".

Filhos de comerciárias poderão ter creches

A deputada Kelly Magalhães (PCdoB) define como "de grande relevância social" o projeto de sua autoria que determina a instalação, em unidades comerciais autônomas e shoppings centers do Estado da Bahia, de berçários e creches para dependentes de empregados desses estabelecimentos.

A medida prevê o acolhimento de crianças até seis anos, que em geral ficam privadas do contato com a mãe durante todo o dia. "Conversei com mulheres nessa condição, a maioria mora na periferia, sai cedo para trabalhar e só consegue chegar em casa 11 horas da noite", disse Kelly.

Estão previstas no projeto parcerias com empresas e entidades privadas, que poderão usar o espaço para marketing institucional. O texto também autoriza Estado e prefeituras a participarem de convênios para instalação e funcionamento das creches.

Kelly lembra que a atividade comercial na Bahia é uma das que mais empregam mão de obra feminina. "Oferecer melhores condições para o exercício pleno da atividade dessas trabalhadoras é o objetivo", afirmou, destacando a "tranquilidade de ter os filhos em lugar seguro e no próprio local de trabalho".

Reforço externo

Avaliadores oculares calculam que 70% dos deputados, vereadores e lideranças que compareceram ao "lançamento" da candidatura do senador Walter Pinheiro (PT) ao governo do Estado são oriundos dos quadros do PP.

Candidato

Está decidido: o advogado Luciano Simões Filho será candidato a deputado estadual em 2014 pelo PMDB. Tentará seguir os passos do pai, que, após sete mandatos, pendurará as chuteiras no próximo ano.

Previsão é de terça sem votação na Assembleia

Apesar do anúncio do líder do governo, Zé Neto (PT), de que não deverá haver votação de projetos hoje na Assembleia Legislativa, o líder da oposição, Elmar Nascimento (DEM), disse que sua bancada estará a postos para qualquer estratégia emergencial.

Há projetos importantes, mas alguns trazem aspectos que dificultam o entendimento, entre eles dois que bloqueiam a pauta, isto é, têm necessariamente de ser votados antes que qualquer outro: o que altera os limites do Parque Estadual Morro do Chapéu e e o que institui o fundo contra incêndio.

No primeiro caso, o problema está na incompatibilidade entre os limites propostos para o parque e a geração de energia eólica na região, enquanto no projeto do fundo a oposição não concorda com a cobrança da taxa na conta de energia elétrica: "É inconstitucional, o governo ficou de rever", disse Elmar.

Um projeto sobre o qual, aparentemente, não há divergência é o que dispõe sobre a política estadual para idosos. Houve um pedido de visata algumas sessões atrás, mas o texto já está em condições de ser votado.

Sem mobilização para o orçamento impositivo

Está também na pauta a proposta de emenda constitucional do deputado Euclides Fernandes que destina 1% do orçamento do Estado para obras e serviços indicados por parlamentares.

"Uma PEC exige casa cheia, pois são necessários 38 votos para aprovação", disse o deputado Elmar, acreditando que hoje não haverá mobilização suficiente.

Deputados e jornalistas escolhem destaques

Se tudo for como se prevê, será afetada a escolha recíproca de deputados e jornalistas que mais se destacaram em 2013 nas suas atividades.

As votações, organizadas respectivamente pelo Comitê de Imprensa da Casa e pela Secretaria Geral da Mesa, ocorrem anualmente na última terça-feira de novembro.

Intriga rechaçada

O vice-governador Otto Alencar esclareceu ao deputado Carlos Gaban e aos órgãos de imprensa que trataram do assunto: ele não fez nenhum desafio ao parlamentar quanto às críticas deste sobre superfaturamento e inadequação das embarcações em aquisição para o sistema ferryboat.

Gaban havia pedido mais informações sobre o negócio, por considerar insuficientes as que possuía, quando foi surpreendido pela notícia do "desafio". Pouco depois, recebeu a ligação de Otto, que disse estar em Brasília e que não havia feito "nenhum declaração a blog ou jornal".

Otto, segundo Gaban, atribuiu o problema a uma "tentativa de fazer intriga" entre os dois e disse que toda a documentação está à disposição do deputado. "Vou examinar. Se me convencer, morre o assunto, Se não, vou tomar providências", concluiu.

BLAGUE NO BLOG - Faturar é preciso

Para demonstrar como era astuto o velho político, um deputado conta detalhes de uma audiência que teve com o falecido senador ACM durante o último governo Paulo Souto, quando as relações entre os dois ficaram um pouco estremecidas.

Haveria um almoço no Palácio de Ondina para um governante estrangeiro, e durante a audiência ACM recebeu uma ligação do governador convidando-o. Encerrada a conversa, disse ao deputado: "Era Paulo Souto puxando meu saco. Me convidou para almoçar".

Nova etapa

Com o pedido de aposentadoria protocolado ontem no Superior Tribunal de Justiça, a ministra Eliana Calmon, cujo mandato duraria até novembro de 2014, mostrou que está disposta mesmo a entrar na vida político-partidária. Trata-se na prática do primeiro passo para filiar-se ao PSB e disputar a vaga de senadora a que a Bahia tem direito em 2014. O simples fato de o mundo político baiano saber que Eliana vai entrar na disputa foi suficiente para gerar uma grande turbulência na área. Muita gente está convencida de que ela terá impacto decisivo não só nas eleições, mas principalmente nos arranjos que estavam mais programados para a montagem das chapas majoritárias, de oposicionistas e governistas.

Estratégia

Em entrevista à rádio CBN, o deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB) voltou a reforçar o discurso da unidade das oposições nas eleições de 2014 e apontou como o partido trabalha para ter o nome do presidente da legenda na Bahia, Geddel Vieira Lima, ungido para a disputa ao governo do Estado. "A estratégia do PMDB é viver cada dia com sua agonia. Continuar visitando os municípios, conversar com o povo e fazer o maior número de aliados nos municípios".

Reforço

Até petistas chegaram à conclusão de que a senadora Lídice da Mata (PSB) não pode mais retroceder ante o projeto de se candidatar ao governo, depois que Eliana Calmon decidiu se filiar à legenda para disputar uma vaga no Senado. Acham que o reforço que Lídice terá em sua chapa com Eliana era o que as oposições e até o governo gostariam de ter.

Homenagem

O ex-deputado Sérgio Carneiro (PT) foi homenageado na manhã de ontem pelo Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) pelos relevantes serviços prestados para a melhoria da advocacia no país. É o tal negócio, santo de casa não faz milagre, já que o petista teve o trabalho reconhecido pela entidade nacionalmente. Já na Bahia...

Corrupção

O Conselho Regional de Administração da Bahia (CRA-BA) oficializou seu apoio à campanha nacional "O que você tem a ver com a corrupção?", por meio da assinatura de termo de adesão com o Ministério Público da Bahia e com a coordenação estadual da campanha. O apoio do conselho na disseminação da campanha se dará por meio de ações de estímulo aos administradores e tecnólogos com a divulgação de materiais de conscientização a respeito do tema. O presidente do CRA-BA, Roberto Ibrahim Uehbe, acredita que a parceria servirá de reforço às campanhas já existentes.

Mudança social

Salvador vai ganhar uma nova instituição amanhã, às 9h, quando acontece o lançamento do Instituto Parque Social na própria sede, no Parque da Cidade, no Itaigara. Na ocasião, será apresentada a nova proposta de atuação da instituição, sob a presidência de Rosário Magalhães, que terá como foco o empreendedorismo social e a participação cidadã voltados para o desenvolvimento local sustentável.

Novidades

Entre as novidades que o Parque Social vai trazer à cidade está a criação do Programa Comunidade Empreende, que pretende disseminar a cultura de autodesenvolvimento comunitário. A atividade vai potencializar ainda o empreendedorismo social como mecanismo de empoderamento do cidadão e das comunidades, além de valorizar os recursos e talentos locais.

Depoimento

O secretário da Fazenda de Salvador, Mauro Ricardo Costa, vai prestar depoimento na sede da Polícia Federal, em Brasília, na próxima sexta-feira, sobre o desvio de R$500 milhões na prefeitura de São Paulo. Diante disso, os vereadores Aladilce Souza (PCdoB), Arnando Lessa (PT) e Fabíola Mansur (PSB) decidiram acompanhar de perto o depoimento e seguirão para a capital paulista.

Investimento

O ex-governador Paulo Souto encomendou de uma conhecida livraria livros com detalhes sobre a história da Bahia e, em especial, sua economia, além daqueles que abordam o chamado "Enigma Baiano". Está se dispondo a investir novamente na formação técnica sobre os problemas do Estado, provavelmente, de olho em montar um curso sobre a Bahia? Claro que não, respondem amigos do democrata.

Óculos

Hoje, às 9h, no auditório da Secretaria de Educação do Estado, em Salvador, o secretário de Saúde, Jorge Solla, estará junto com o secretario Osvaldo Barreto entregando mais de dois mil óculos para alunos de 32 municípios das regiões Oeste e Extremo Sul da Bahia, que foram examinados por oftalmologistas do Programa Saúde em Movimento / Saúde na Escola.

Dissidência

Sobre a candidatura da senadora Lídice da Mata (PSB), o deputado observou ver o governo como "grande prejudicado" por considerar a participação dela uma dissidência que pode dividir os votos do governo e reforçar a possibilidade de "uma vitória da oposição no primeiro turno". "A candidatura de Lídice aumenta o favoritismo da oposição, uma vez que será uma dissidência ao campo do governo e as oposições unidas não vão perder votos".

Liderança política

Em relação à participação de Paulo Souto no programa eleitoral do Democratas, foi taxativo. "É natural que ele vá gravar o programa do DEM. É natural que o DEM coloque as lideranças mais importantes do seu partido. E ninguém tem dúvida de que o ex-senador Paulo Souto é uma liderança nacional dentro do partido e da política brasileira", acrescentou.

PPP

A Prefeitura de Salvador participa, hoje, no Hotel Sotero, no Stiep, do evento Aprimorando as Parcerias Público-Privadas no Brasil. O projeto pretende apoiar Salvador e outros municiìpios da região Nordeste na elaboração e implementação de PPPs em setores estratégicos de infraestrutura econômica e social.

Comenda

O médico Alex Guedes recebe hoje, às 9h30, durante sessão especial na Assembleia Legislativa, a Comenda Dois de Julho. O autor da honraria, deputado Alan Sanches (PSD), justificou a homenagem ressaltando a trajetória do médico e as relevantes contribuições dadas por ele à saúde no Estado.

Engasgado

O presidente municipal do Democratas, Heraldo Rocha, rebateu a afirmativa do deputado petista Nelson Pelegrino, que disse ter sido ele o deputado federal mais votado em Salvador para justificar os ataques à gestão da Transalvador. "ACM Neto teve 134.360 votos contra 83.118 de Nelson Pelegrino. O resultado da eleição para deputado federal na capital baiana foi uma prévia do que aconteceria na disputa à prefeitura no ano passado, mas Pelegrino está engasgado até hoje com a derrota", observa Rocha.

Mais partido?

O Partido Pacifista Brasileiro (PPB) vem se estruturando na tentativa de obter seu registro definitivo no Tribunal Superior Eleitoral. O partido já está consolidado no Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Maranhão e Amazonas, com registros nos TREs destes estados. Na Bahia, segundo o coordenador nacional do partido, o baiano Exodo Santos, o PPB vem desenvolvendo um trabalho intenso na maioria dos municípios, com mais de 20 mil assinaturas, enquanto em São Paulo e no Rio de Janeiro mais de 80% dos pedidos de apoio já estão consolidados.

Reconhecimento

Em reconhecimento pelo trabalho desenvolvido na Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza, o secretário Mauricio Trindade irá receber a "Comenda Dom Salomão Ferraz", oferecida pela Paróquia Nossa Senhora das Candeias, situada no bairro de Campinas de Pirajá, e que completa 50 anos de existência. A solenidade será amanhã, às 15h, na Assembleia Legislativa da Bahia.

Casa de apoio

A prefeitura de Irecê inaugura, na próxima quinta (28), às 18h, em Salvador, a Casa de Saúde, que vai acolher os pacientes da cidade que precisam de tratamento médico na capital baiana. Localizada no bairro Barbalho, a casa conta com 50 quartos com suítes, mobília nova e decoração personalizada, além de ampla área-livre e um espaço especial todo decorado destinado para as crianças. A entrega da casa faz parte do compromisso do prefeito Luizinho Sobral em humanizar a saúde de Irecê.

Na disputa

O médico ortopedista na região da Chapada Diamantina, Luiz Sapucaia, que também é médico do Esporte Clube Bahia, acaba de se filiar ao PSL e vai concorrer a uma cadeira na Assembleia Legislativa da Bahia em 2014.

Uruçuca

Campeão Brasileiro pelo Vasco da Gama em 1997, o ex-jogador Moisés Alves assume a Secretaria Municipal de Esporte de Uruçuca, no sul da Bahia. De acordo com a prefeita Fernanda Silva (PT), a indicação do zagueiro faz parte da reforma administrativa que iniciou na prefeitura local. A iniciativa é tida como mais uma ação de combate à violência e que permite a inclusão. "O herói da juventude tem que ser pessoas como Moisés, que venceu no esporte e na vida".

Nº de cargos: Planalto dá de 10x0 na Casa Branca

O Palácio do Planalto emprega atualmente 4,6 mil funcionários, exatamente dez vezes mais que os 460 servidores da Casa Branca, sede do governo dos Estados Unidos, que administra o maior orçamento do mundo (US$ 11 trilhões). Se contar os funcionários da Vice-Presidência e das secretarias, todos na conta da Presidência da República, o número de servidores do Planalto sobe para 8.861.

Por nossa conta 

Milhares de cargos foram criados no Planalto para serem distribuídos sem concurso a dirigentes e militantes do PT, e a seus apadrinhados.

Farra bizarra

É tanta gente sem ter o que fazer, nem mesa para ocupar, no Planalto, que eles se revezam em sofás e cadeiras destinados a visitantes.

Superlotação

Outro sinal de superlotação no Palácio do Planalto pode ser percebido nos restaurantes dos funcionários. As filas são impressionantes.

Governo mínimo

Nos EUA, o presidente mora e trabalha no mesmo local. Aqui, tem os palácios Planalto e Alvorada, além da Granja do Torto para feriados.

‘Ultrajados', emirados vão à forra contra Temer

Os Emirados Árabes ficaram enfurecidos com o governo do Brasil, que não se desculpou nem desautorizou o que chama de "ultraje" ao qual foi submetido seu ministro de Economia, Sultan Al Mansoori. Ele teve as malas revistadas pela Polícia Federal no aeroporto de Guarulhos (SP), em desrespeito a tratados de imunidade diplomática dos quais o Brasil é signatário. Irritados, deram o troco: submeteram à revista a comitiva do vice-presidente Michel Temer na visita oficial a Abu Dhabi.

E na copa? 

O chefe de protocolo dos Emirados Árabes questionou o embaixador brasileiro João de Mendonça Neto sobre como o Brasil sediará a Copa. 

Nada feito

O chanceler Luiz Figueiredo passou batido: não acionou ministro da Justiça, nem pediu à superintendência da PF-SP para apurar o caso.

João-sem-braço

O diplomata João de Mendonça Neto é acusado pelos Emirados Árabes de ignorar as queixas e até a nota de protesto contra o Brasil.

Lula na papuda

Com a "cumpanherada" em cana, após o afano geral do mensalão, a assessoria do ex-presidente, aboletada no Instituto Lula, está à beira de um ataque de nervos. Quem liga querendo saber se Lula visitará os amigos na Papuda, ouve palavrões e tem o telefone desligado na cara.

'Não vai falar nada?'

Os lulistas andam nervosos também com a cobrança do detento José Dirceu, que assumiu resignadamente a pecha de "chefe da quadrilha", e continua à espera da solidariedade e da visita de Lula à Papuda.

Debaixo da cama

O comandante do Exército, general Enzo Peri, age como quem se esconde debaixo da cama. Não diz se vai confiscar a Medalha do Pacificador, a mais importante do Exército, concedida a José Genoino. O decreto 4.207/02 manda cassar a medalha de corruptos condenados.

De olho

A bancada estadual de oposição vai entrar com pedido de informações ao TJ da Bahia sobre processo contra a mulher do governador Jaques Wagner, Maria de Mendonça, no Conselho Nacional de Justiça.

Casquinha

O deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS) aproveita prisão de mensaleiros para lançar nesta quarta (27) o livro a Máfia da Estrela 2 - o julgamento - sobre os bastidores da CPMI dos Correios e o processo no STF.

A copa vem aí

O vencedor do leilão terá que correr muito para evitar o vexame colossal de estrangeiros chegando no desolador terminal 2 do Galeão, com filas quilométricas para o único elevador do estacionamento. Parece aeroporto de Uganda.

Grama federal

Impressiona a quantidade de funcionários em relação ao mau estado do Jardim Botânico, no Rio, fundado por Dom João VI: desocupados, guardas advertem para não pisar a grama inexistente junto a córregos secos e caramanchões sem flores.

Momento lindo

O "rei" Roberto Carlos tentou se aliar ao movimento "Procure Saber" para censurar biografias não-autorizadas. Com um belo Lamborghini de R$ 1,5 milhão na garagem, não precisa se preocupar com dinheiro.

Pergunta no parlatório

Quando o ex-presidente Lula vai visitar na Papuda a "cumpanherada" que está em cana por falar, agir e embolsar grana em seu nome? 

 Por escrito / Tribuna da Bahia / Claudio Humberto / www.paiaiafm.com.br


" data-width="640" data-numposts="5" data-colorscheme="light">

PUBLICIDADE